16 julho 2015

Continuo

3 comentários
Ainda por cá ando.
A vida não anda melhor. Mais calma, talvez. Eu, não a vida. 

Nem tudo é mau mas sinto-me a arrastar pelos dias. A semana demora a passar e, quando finalmente chega, o fim de semana também. O tempo passa-me lentamente por entre os dedos e eu não o agarro porque não tenho o que lhe fazer. O que é preciso ser feito procrastino pelo desinteresse - vou trabalhando, vou tratando da casa, vou comendo, vou sendo. 

Fui a sítios (foi bom o Alive). Devia ter ido a muitos mais. 

Continuo.