10 janeiro 2013

Galinhas

Está para breve o dia em que me meto em sarilhos. Não tarda agrido uma das galinhas que não calam o bico durante mais do que 10 minutos, todo o santo dia em que estão as duas (felizmente não são todos), ali do outro lado da sala. Já sei a vida dos filhos e da sogra de uma e tudo sobre os saldos das lojas das redondezas.
Calar a boca e deixar os outros sossegados a trabalhar (e trabalhar também, já agora)? Nop. Isto do openspace é para partilhar tuuuuuudo.

Não me responsabilizo.*


(*durmo pouco, tento acordar cedo e estou a cortar no café de forma involuntária)


4 comentários:

_+*Ælitis in Angola*+_ disse...

Qual a solução? falar com um superior? falar com elas? pores headphones e a musica alta para desconectares? hmmm...

Boa sorte!

GATA disse...

E tenho apenas uma galinha no gabinete, mas ela tem dias... hoje está muito calada... aleluia!

Mnemósine disse...

Headphones são a solução geralmente adoptada mas precisamos de atender telefones, falar uns com os outros e nem sempre é prático estar "desconectado".
É nessas alturas que se generalizam as ganas de fazer o mal às aves.

my precious L. disse...

Falta de trabalho é o grande problema, tens toda a razão. Mas há disso em todo lado, galinhas diferentes mas temáticas comuns*