06 janeiro 2012

É assim o mundo:

Enquanto na Suécia nasce uma "religião" para os que acreditam na pirataria,
em Portugal propõem-se que os dispositivos que são utilizados para armazenar ficheiros pirateados [ao que parece ignoramos todos os outros] passem a ter um preço mais alto, através da aplicação de uma taxa. Outra taxa.

Não sei qual dos dois será mais exagerado.

3 comentários:

L'Enfant Terrible disse...

Deporta-los a ambos para uma ilha deserta sem internet, depois queria ver como faziam!

Lilith disse...

Lol, essa da taxa é para rir. Basta ir ao ebay e comprar os discos externos por lá. Manda-se vir de fora. Ora aí está uma excelente ideia para fazer crescer a economia nacional, não é?

Mnemósine disse...

olha que bem observado.