16 junho 2010

Os sapatos das outras

Qual é o objectivo de ir a evento onde se tem alguma importância toda bem postinha e de salto alto se, no fim, antes de sair e à vista de todos, se troca para o sapatão feio, raso, gasto (confortável, suponho)?
O que se passa na cabeça das gaiatas de hoje - há uns dias vi numa loja uma parelha que decidiu trocar um sapato, isto é, cada uma calçou um sapato da outra. Tudo bem, maluqueiras. Só que uma trazia uns ténis e a outra umas sandálias (medonhas) vermelhas, de verniz e uns 10cm de salto. E cada uma tinha então um ténis e uma sandália de salto alto calçados. E nem eram da mesma cor. 
Continuo a dizer que lá porque os pés ficam debaixo da mesa nos cafés e restaurantes isso não significa que as outras pessoas não vejam quando alguém se descalça. Lembro ainda que quem usa sandálias rasas tende a ficar com os pézitos negros como carvão. Eu aviso, aviso, mas ninguém me liga.
E por agora é só.

2 comentários:

Pintas disse...

deve ser moda...os meus miúdos nas aulas também trocam os ténis entre eles :P

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


TE SIGO TU BLOG




CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...


AFECTUOSAMENTE
AI QUE NERVOS

ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE BLADE RUUNER ,CHOCOLATE, EL NAZARENO- LOVE STORY,- Y- CABALLO, .

José
ramón...