19 maio 2010

FFFaz todo o sentido

Há uns dias vi no fb (chiça, outra vez a porcaria do fb?!) um grupo que era qualquer coisa como isto: Não quero emprestar dinheiro à Grécia, eles que vendam a taça do Euro 2004!
Não contente com o facto ter percebido uma piada relacionada com futebol, achei que isto estava mesmo giro. Maganos, apanharam-na bem. 
Não aderi por questões que agora pouco interessam mas pus-me a pensar:
Se eles vendessem a taça, nós, que ficámos sem ela, éramos meninos para a comprar. Porque isto do futebol sempre é importante.
E como muito bem me fez lembrar a minha amiga I., Portugal é o país dos 3 efes: Fado, Futebol e Fátima. 
Comprada a taça e recebido o Papa, dois já estavam encostados. 
Podiam aproveitar o balanço e, contrariando a tendência (até porque contrariar também tem muito a ver connosco), promoviam a música (toda, já agora, e não só o Fado*) ao estatuto de Cultura e passávamos a pagar menos IVA nestes bens.

Boa?

*E se fosse só na música portuguesa já não era muito mau. embora não tivesse grande lógica. mas era melhor do que agora.

4 comentários:

almighty yellowphant disse...

amei este post. vou aderir a esse grupo :P

L'Enfant Terrible disse...

Olha que o fado não é só música, é também sinónimo de destino, de nostalgia. E eu até subestítuia esse "F" por Filh..., acho que tinha mais a ver!

Marta disse...

Boa, boa!

_+*A Elite in Paris*+_ disse...

FFFalando em musica PT, proxima vez que eu for a Portugal, vou comprar tanta musica, que são capazes de prender-me na alfandega por isso.

A Elite