02 março 2010

Ódio de estimação LIII

Odeio aquelas pessoas que não se sabem calar. Não são aquelas que falam pelos cotovelos. São aquelas que quando começam a falar não param independentemente do que lhes foi perguntado, da situação ou da conveniencia. Aquelas que lhes perguntam quanto é 1+1 e respondem com o raciocínio e o resultado de uma equação de terceiro grau. Mesmo que as mandem calar. Ou que toda a gente à volta esteja já a entreolhar-se, incomodada. 
E também odeio aquelas que ligam tarde e a más horas e ficam tagarelando, em monólogo pois claro, até se lembrarem que também elas têm coisas para fazer. Sabem? Como quando nos perguntam se interrompem alguma coisa, respondemos que estávamos a jantar e que digam o que precisam/se é urgente e depois não se calam. E as pessoas à espera na mesa, mais a comida a arrefecer. 

4 comentários:

Atena disse...

E quando essas pessoas tão a falar e pensamos que estão quase a acabar e ja sentimos um alivio, mas afinal elas voltam a carga outra vez...fico TOLA!!!
So me apetece cortar os pulsos!!!

Fuschia disse...

Sim, eu conheci uma miuda assim. Quer dizer, mais ou menos assim. O problema dela era querer ser sempre o centro das atenções. Uma espécie de criança grande. A mim cansava-me. Deixava-me de rastos mesmo, estar a ouvi-la uma noite inteira.

ML disse...

As que odeio mais são aquelas pessoas telefonam ou combinam coisas só mesmo para ocupar um tempo livre delas.

E mesmo que nós sublinhemos que estávamos a fazer outra coisa...é BLA BLA BLA BLA BLA.

Nós a querermos terminar a conversa com "então vá..." ou "está bem, então beijinhos"....esquece! Vem de lá um "Ah, já te contei...BLA BLA BLA"

LOL

sibilunacrafts disse...

em sequência do que a ML disse, e quando temos de iniciar a despedida umas 10 vezes?? não é horrível? às tantas já nos sentimos mal por estar sempre a enfiar o "bom, tenho de ir indo..." no meio, quando quem deveria tocar-se era o outro. é tããão chato!

e se há coisa que odeio mesmo - mesmo a propósito, já que este é um meu ódio de estimação - são as pessoas que interrompem quando eu estou a falar. odeio odeio odeio!! e quando se junta isto ao teu ódio de estimação, ou seja, quando é alguém que interrompe e depois nunca mais se cala, é mais que certo que teremos um monólogo e que a minha opinião / intervenção não terá qualquer valor. em suma: essas pessoas são chatas, egocêntricas e mal educadas!