27 fevereiro 2009

Reliquias do dia

6 comentários
Hoje há noticias que parecem saídas do Inimigo Publico, aqui ficam algumas:
Ministra da Educação vai ter o ordenado penhorado (Karma?)
Homem detido por enviar por correio sangue com HIV a Obama (Estava à espera de quê? Como é que esperava transmitir o virus? Ou era só para enviar uma mensagem? Qual era o objectivo?)
PS: Sócrates diz que se recandidata a PM em nome da decência (Ah pronto, ainda bem! Estamos fartos de caras-de-pau esquivos.)
Homem imola-se pelo fogo em frente ao Parlamento britânico (À próxima é melhor deixar um bilhetinho a dizer a razão do sacrifício porque vai daí e não está lá ninguém que ajude e o senhor quina e ninguém sabe bem porquê.)

Então bom fim-de-semana a todos!

Desfasamentos temporais à parte...

4 comentários
...hoje acordei com uma musica de natal na cabeça. E não sai. De vez em quando lá começo a trautear.

26 fevereiro 2009

Amor de Perdição I

3 comentários
Fins-de-semana sem obrigações.

Estado e Governo

0 comentários
Estou um bocado cansada da confusão que se faz na comunicação social e na mente de muitas pessoas entre estas duas entidades. Não me parece muito complicado distingui-las mas estou sempre a deparar-me com o uso erróneo de um onde devia estar o outro. Depois quando está certo desconfio e tenho de confirmar.
Isto faz-me pensar que talvez haja necessidade de explicar a diferença várias vezes, começando nos pequenos que aprendem a falar inglês com o Noddy e repetindo o ensinamento ao longo da suposta preparação para a vida que é o ensino obrigatório. É que tanto quanto sei ninguém nasce ensinado mas continua a haver coisas essenciais que todos devíamos saber*.

*Por exemplo, eu continuo a não saber fazer contas de dividir "à mão". É triste e alguém me devia ter ensinado.

25 fevereiro 2009

Ódio de estimação I

4 comentários
Pombos.

24 fevereiro 2009

Dustin Lance Black

9 comentários




Fiquei de olho neste jovem, vencedor do Oscar para melhor argumento original por Milk bem como de outros prémios na mesma categoria e outras tantas nomeações.
E é giro, fofinho. Pena ser gay. Pena para mim, que lhe dava uma trinca.

23 fevereiro 2009

Oscar report

0 comentários

4 horas depois
Slumdog Millionaire é o grande vencedor com 8 Oscars em 10 nomeações.
Foi uma cerimónia razoável, sem grande pompa mas com com alguns momentos a guardar. Destaco o "musical" por Jackman e Beyoncé e os agradecimentos da família de Heath Ledger, de Danny Boyle pelo Oscar de realização e de Sean Penn pelo Oscar de actor principal onde aproveitou para referir a legalização do casamento homossexual e o regresso de Rourke.
As quatro categorias de actores foram apresentadas por vencedores de edições anteriores que fizeram um pequeno comentário (à laia de homenagem) aos nomeados (cada vencedor a um dos nomeados). Foi interessante.
Hugh Jackman não esteve nada mal, embora não tenha passado muito tempo em cena tinha bastante por onde "meter água" mas esteve à altura.
E (alguns d) os vencedores foram:
Melhor actor: Sean Penn em
Milk
Melhor actriz: Kate Winslet em
The Reader
Melhor actor secundário: Heath Ledger em
The Dark Knight
Melhor actriz secundária: Penélope Cruz em
Vicky Cristina Barcelona
Melhor realizador: Danny Boyle em
Slumdog Millionaire
Melhor filme:
Slumdog Millionaire
Melhor filme estrangeiro:
Departures
Melhor filme de animação:
Wall-E
Melhor documentário:
Man on Wire
Melhor argumento original:
Milk
Melhor argumento adaptado:
Slumdog Millionaire

Slumdog Millionaire ganhou ainda: fotografia, som (mistura), montagem, banda sonora, musica original ("Jai Ho").
O estranho caso de Benjamim Button, que tinha 13 nomeações, ganhou apenas: direcção artística, caracterização e efeitos especiais.
Para verem os restantes vencedores (das poucas categorias que não referi) bem como todos os nomeados, podem ir aqui.

Por fim, o meu Oscar para pior
outfit vai para Whoopi Goldberg (na apresentação do prémio de melhor actriz secundária) sendo que Beyoncé e Miley Cyrus se esforçaram para merecer a estatueta. Menção honrosa para todas as meninas (e não foram poucas) que decidiram vestir-se de noivas.
Na categoria masculina o vencedor é Mickey Rourke que provou que tudo o que é feio (mas talentoso, han?!) pode ficar um pouco pior se puser um fato branco e usar o cabelo lambido. Sem esquecer Philip Seymour Hoffman que achou que um gorro era apropriado dentro e fora de portas.
Finalmente, o meu Oscar para maior desilusão fashionista da noite vai para duas jovens que afinal não ficam bem com qualquer coisa (mas quase), são elas Sarah Jessica Parker e Heidi Klum.
A minha imagem favorita da noite, de tão boa que é, repetiu-se na passadeira vermelha e na entrega do ultimo prémio, falo da reunião de quase todo o elenco de
Slumdog Millionaire (em cima, antes da cerimónia).

22 fevereiro 2009

Uma pessoa sabe que está completamente desactualizada quando...

7 comentários
...descobre que existe uma pessoa que se chama Jesus Luz*.
Só para aqueles que andam tão desactualizados quanto eu: parece que o jovem (20 anos) é o novo date da Madonna.
Mas esperem, há melhor, Madonna converteu Jesus à Cabala!!

*Se não acham um piadão a este nome, pf ignorem o post.

21 fevereiro 2009

Quando as coisas se conjugam

3 comentários

Acabei de chegar a casa depois de ver o Vicky Cristina Barcelona de Woody Allen (sim, só agora), como de costume vim ver os blogues habituais e li o post de Miss K. (Life Is A Masterpiece) que aqui transcrevo:
"Partir é mais fácil do que se pensa. Difícil é decidir o que se leva connosco."
Depois de umas horas de conversa com uma amiga em que alguns dos temas foram ex-colegas, ex-namorados e "get out of my life"'s, esta frase caiu-me de uma forma bastante engraçada.
Penso que já aqui referi que morei uns meses em Barcelona (nesse sentido esperava que o filme fosse mais "transportador" no tempo do que foi) e neste momento o que a frase de Miss K. me lembrou foi dos 40 kg de bagagem que levei para BCN. Acreditem que não costumo levar muita bagagem para lado nenhum por isso este foi mesmo um grande exagero.
Na altura não sabia bem ao que ia, queria era ir e depois logo se via. E então fui e, na duvida, levei tudo o que poderia precisar - e não estou a falar só de roupa, levei um cobertor que foi bastante útil, imensos livros mas ainda assim em numero insuficiente, um telemóvel extra e para o caso de não conseguir encontrar os meus produtos habituais, levei-os de cá (dah). Então, literalmente, não sabia o que levar. Alguém me devia ter dito "deixa-te de merdas". Acrescento que foi um filme fazer chegar duas malas maiores que eu, de 20kg cada, do aeroporto até ao apartamento onde ia passar aquela temporada, de transportes públicos.
Depois, na sequência da conversa sobre aqueles assuntos, aquela mesma frase transportou-me directamente para o universo do fim das relações amorosas quando podemos, na minha opinião, escolher o que queremos guardar delas e depois trabalhar para esse objectivo. Podemos escolher guardar o melhor ou o pior ou um pouco dos dois. Geralmente opto pelo misto mas parece-me que não sou muito competente para o fazer.
Da minha primeira relação "séria" (tinha 14 ou 15 anos) guardo apenas coisas boas e a memória da razão que me levou a pôr um ponto final e consequente reacção dele. Penso que terá sido por ser a primeira.
De outras, mais sérias ou apenas passageiras, não fui capaz de dividir as memórias em 50boas/50más. De uma especialmente não me ficou nada de bom e já fiz a triste figura de o ver no metro e mudar de carruagem para não ter de lhe falar. De outra, aquela de que falei há uns posts atrás, guardei sobretudo memórias dos últimos meses e embora haja boas memórias a maioria é triste e mesquinha (de parte a parte, disso não me esqueço), mas pelo menos com estas sei que aprendi muita coisa.
Eu tenho realmente facilidade em partir, talvez seja fria nestas fases (?), mas a escolha das memórias a reter é sempre um processo que me leva tempo. Felizmente multitasking é comigo.
Tenho saudades de Barcelona.

(Obrigada Miss K.)

20 fevereiro 2009

_

6 comentários
"O que importa aqui não são as grandes ideias que os outros tiveram, mas as pequenas coisas que só a ti te ocorrem"
In Sputnik, meu amor de Haruki Murakami

19 fevereiro 2009

Acidentes

6 comentários
Os acidentes acontecem, não é novidade nenhuma. Mas há acidentes com consequências inacreditáveis e hoje aconteceu um desses a uma amiga minha.
Um atropelamento por uma bicicleta já é coisa rara de se ouvir falar mas ser suficientemente grave para mandar as duas pessoas ao hospital mais raro será. Não sei como é que ficou o ciclista mas a atropelada mal consegue andar, fala com dificuldade, levou pontos e tem a pele queimada por causa de ter sido arrastada no alcatrão. Felizmente não partiu nada.
Nunca tinha ouvido nenhuma história do género. Nem mesmo no metro!

Opiniões I

5 comentários
Se estamos a conduzir e vemos todos os carros a vir na nossa direcção é porque estamos em contra mão, não?
Se entramos num sitio, qual Bridget Jones, de ganga ténis e tshirt e todos estão de fato ou vestido, percebemos mal o dresscode, não?
Então porque é que há pessoas que perante a evidencia de que são os únicos com determinada opinião num grupo grande de pessoas, continuam a achar que têm consigo a razão?
Teimosia até percebo, também a tenho. Mas isto é tontice* mesmo.
*sendo simpática, claro.

17 fevereiro 2009

José António Pinto Ribeiro

7 comentários
Para quem não sabe, o nosso ministro da Cultura.
Figurinha bem apagada, não?
Bem sei que não há dinheiro e essas coisas todas que fazem sempre com que a cultura seja a primeira a ser esquecida mas ou eu estou muito enganada, ou não é preciso muito dinheiro para falar e lembrar as pessoas que a cultura nem sempre é cara e que existe.
Mas realmente é pena que muitas vezes a cultura seja cara.

16 fevereiro 2009

(Sem titulo)

5 comentários
É triste concluir que as histórias com alguma piada (ou até interesse sociológico) que tenho para contar provêm todas do mesmo local, que é o metropolitano. Não havendo nada a fazer quanto a isso, cá vai mais uma.
Contava uma senhora a outra (e a quem como eu estivesse por perto) que a idosa para quem trabalha ficou sem prótese dentária por o cão lha ter estragado. Vem com pormenores: a senhora teria a prótese em cima da mesa de cabeceira e o cão foi lá raptá-la para depois se entreter a fazer aquilo que os cães mais gostam de fazer, roê-la.

Urgh

9 comentários
Mango He

Não era suposto os modelos serem bonitos?

15 fevereiro 2009

De volta à vida...

2 comentários
De volta à vida, fui ao cinema. Fui ver o Milk (gostei bastante). Para quem não sabe o filme é sobre a luta da comunidade gay pelos seus direitos essenciais enquanto cidadãos (é claro que acaba por ser sobre muito mais do que isso). Pois que quando o filme acabou o primeiro comentário que eu ouvi, de um homem para outro, foi: "ó X, pareces um bocado gay!"
Não era nada que eu não estivesse à espera, para dizer a verdade. Não me chocou porque acho apenas parvo (talvez um bocado idiota) mas há pessoas que não conseguem mesmo conter estas coisinhas. Parecem os miúdos de 10 anos quando aparece um par de mamas na televisão ou numa revista.

13 fevereiro 2009

13, 14, 24

10 comentários
Não tenho nada contra sexta-feiras 13 tirando o facto de as pessoas não se calarem com o facto de ser sexta-feira 13 uhuh blablabla.
Também não tenho nada contra Sábados 14 tirando o de amanhã: não se pode fazer nada, está tudo cheio, são corações pirosos e beijinhos cínicos por todo o lado.
Pior que isto só mesmo a estúpida da época do Carnaval que, não percebo porquê, já começou. Hoje vi uns idiotas de uns putos (com idade para ter juízo, mesmo assim) a atirar balões de água a carros ali na Av. Brasil. Abomino o Carnaval.
Apesar de tudo, hoje acordei bastante bem disposta e pretendo manter-me assim.
Bom fim-de-semana a todos! (dentro do possível pelo menos)

12 fevereiro 2009

O dinheiro traz felicidade?

5 comentários
Não vou dissertar sobre o assunto. Vou só deixar-vos este link para uma daquelas histórias que dizemos todos "isto a mim não acontecia", reparem nos pormenores:
Euromilhões: Tribunal tenta conciliação entre ex-namorados

11 fevereiro 2009

Porcaria do Hotmail

9 comentários
A porcaria do hotmail deixa passar montes de spam mas receber mails que sei que foram enviados (porque fui eu que os enviei) 'tá quieto, que as vá buscar à origem se quiser...amanhã ou nunca.
Repetidamente.

10 fevereiro 2009

Pleeeeeeeeeease

5 comentários
Quero dormir
Quero ir passear
Quero ir jantar fora
Quero ir a três sessões de cinema no mesmo dia
Quero ir comprar qualquer coisa que o cansaço dá-me para o consumismo
Quero dormir (já tinha dito?)
Quero fazer coisa nenhuma
Que porcaria de semanas. Diz que esta é a ultima (até à próxima).

09 fevereiro 2009

Observei e conclui

6 comentários
...que ser treinador do Chelsea FC é ter um emprego precário. Mais ou menos como trabalhar a recibos verdes.

06 fevereiro 2009

A razão de eu não dar esmolas

8 comentários
Eu nunca dou esmolas, dou comida se me pedirem especificamente comida. Isso não recuso (a menos que me abordem num restaurante com pedidos exagerados).
Já me aconteceu tentar dar comida a um mendigo e o homem quase me agredir, mais uma razão para eu me meter na minha vidinha sem fome.
Hoje (no metro que é onde eu me cruzo com a vida, como já devem ter reparado) uma cega a pedir esmola parou a sua cantilena para atender o telefone.
Para mim isto é puro descaramento. E choca-me.
Não só a cega do metro mas todos aqueles que vivem do esforço alheio mas que têm tudo o que é bom. E não me venham dizer que um telemóvel é um bem essencial porque não é. Essencial é ter tecto, comida e um sitio onde tratar da higiene. E há carradões de pessoas que nem isso têm.

Fui selada

4 comentários
A Kami presenteou-me com este selo. Desde já obrigada (e peço desculpa pela demora).
Como é costume este selo vem com regras, são elas:
1- Exibir a imagem do selo
2- Postar o link do blog de quem recebi o selo
3- Escolher 10 mulheres bem resolvidas e distribuir o selo
4- Avisar as escolhidas
-
Contra os meus hábitos vou quebrar as regras. 10 é muita gente e eu ando muito ocupada. Vou nomear apenas uma: a minha amiga Anita (que não é blogger, mas eu imprimo o selo e colo-lho na testa).
-
Se vocês, leitoras deste tasco, se acham mulheres bem resolvidas então façam o favorzinho de se apoderarem da imagem e de se auto-selarem.
Mais uma vez obrigada à Kami.

04 fevereiro 2009

Ser oco dá rios de dinheiro

10 comentários
Parece que a Paris Hilton tem um novo programa na MTV em que procura a sua nova melhor amiga. Aparentemente o publico gosta de ser aldrabado.
Antes disso, se bem se lembram, foram os videos acidentalmente divulgados da menina a ter relações sexuais (=frenzy), os cheques chorudos para estar 10 minutos numa discoteca, o programa com a Nicole Ritchie (de amigas a inimigas)... Dinheiro sempre a entrar. A única coisa que a miúda tem de fazer
pela vida é dizer umas asneiras de vez em quando para se voltar a falar dela, tratar da imagem e passear-se pelo mundo.
How sad is that, really?
Qual é o objectivo de vida dela? Ser bonita durante muito tempo para não ser esquecida tão depressa?

-

02 fevereiro 2009

Que saudades de ser pequenina!

8 comentários

As coisas com que uma pessoa se depara enquanto faz zapping....



...o Babar!
Que saudades!

Kaiser Chiefs

3 comentários


Pela terceira vez, estes meninos sabem dar um concerto!