28 abril 2009

Os McCann na Oprah

Soube pelo blog do Nuno Markl que anda a correr um e-mail a pedir que as pessoas escrevam à Oprah a dizer que tudo o que os McCann disserem "não é bem assim".
Não recebi o e-mail e não tenho intenções de escrever a dizer que o nosso país é uma maravilha e a nossa policia um portento de eficiência. Mas...
Diz o Markl que "E foram pessoas do país que agora receia o que o casal vai dizer para o talk show mais visto do planeta, que se deram ao trabalho de sair à rua há não muito tempo para insultar alarvemente um tipo que, até prova em contrário, é só um homem a quem a filha desapareceu / morreu (mesmo que, sabe-se lá, devido a negligência dele e da mulher)."
Só que antes disto organizaram-se buscas para procurar uma criança que tinha sido deixada num quarto de hotel sozinha com dois irmãos mais novos numa noite (mais , provavelmente), rezaram-se missas onde estiveram pessoas preocupadas a mostrar o seu apoio, distribuíram-se panfletos e abriram-se os olhos à procura da miúda. Durante meses não se falou de mais nada, mobilizaram-se esforços e recursos, centraram-se as atenções do mundo no desespero daquela família chegando mesmo a ignorar-se o facto de terem sido negligentes num país que não conheciam (vou assumir que na zona onde moram é normal e seguro os filhos ficarem em casa sozinhos).
Fez-se tudo isto até que cães pisteiros detectaram coisas muito suspeitas no carro e no quarto do casal, houve análises que não havia meio de serem feitas e se descobriu que o casal privava com figuras importantes da politica do seu país.
Eu desde o dia em que a criança desapareceu disse "foram os pais". Corri sempre o risco de estar a ser tremendamente injusta mas nada me fez pensar que talvez esteja enganada.

Se a Oprah quiser ouvir e dar a conhecer mais do que a versão dos pais não terá dificuldade em arranjar quem faça o contraditório. Se não quiser, pois não serve de nada mandar mails a chatear as pessoas.
Por ultimo, é certo que os McCann não mostraram até agora muita honestidade mas, que raio!, estamos já a supor que vão para lá falar mal de Portugal, do povo e da policia.

5 comentários:

P. disse...

não podia concordar mais contigo. em tudo!

Kami disse...

Na verdade, o programa já foi gravado e acho que passa por cá no dia 4. Não sei se de facto disseram mal de Portugal, mas sei que a Oprah solidarizou-se com o casal e até disse «You have my heart» ou algo do género.
Seja como for se eles tiverem dito mal do nosso País deverá ser certamente para desviar a atenção deles. Continuarem a ser as vítimas e não os possíveis culpados...Eu também sempre acehi que foi negligencia da parte deles, correndo como tu dizes o risco de estar a ser injusta.

Mnemósine disse...

Kami não sabia. Vou estar atenta, tenho alguma curiosidade de ver qual é a postura deles, a versão que contam e como é que a Oprah conduz a coisa.

Marisa disse...

Tenho de ver esse programa. Li uma reportagem num jornal sobre essa ida do casal ao programa e ao que parece tanto a Kate como a Oprah choraram muito juntas. Mais um bocado e abraçavam-se ali. Elas as duas mais as 300 mulheres que estavam no publico.

Mnemósine disse...

Marisa, a Kate McCann a chorar é novidade. Até agora derramou umas lagrimazitas mas só depois de as pessoas dizerem que era estranho ela não andar num pranto constante.
Diz a Kami que lá para dia 4 passa na nossa tv.